fechar
Comentar
Publicado por Emmanuel Ramos de Castro

Tua hora está chegando, Cunha!




Edu, Aecin e Paulinho da Força - honestos e amigos para sempre



.



Até quando Cunha resiste?



Por, Tereza Cruvinel



Horas depois de Eduardo Cunha anunciar sua disposição de permanecer na presidência da Câmara mesmo que venha a ser denunciado ao STF pelo Procurador Geral da República, Rodrigo Janot, o deputado Jarbas Vasconcelos defendeu sua saída do cargo. ?Não cogito qualquer afastamento?, havia dito Cunha. A história recente de presidentes encalacrados da Câmara e do Senado demonstra que a resistência pessoal não basta. Quando o desgaste aumenta muito, a própria Casa, seguindo o instinto de defesa institucional, ejeta o acusado da cadeira. Por ora, apenas o PSOL, o deputado Silvio Costa (PSC-PE) e agora Jarbas pediram a saída de Cunha. O PMDB externou uma solidariedade formal mas não o seguiu no rompimento com o governo. O PSDB mantém-se convenientemente distante: nem apoiou Cunha, como em março, quando ele apareceu na Lava Jato, nem criticou o aliado com quem, até há poucos dias, conspirava para derrubar Dilma.


A denúncia de Janot é esperada até pelo próprio Cunha para o mês de agosto e ditará o comportamento da Casa. Aliás, ele chegou a temer que fosse apresentada durante o recesso. Fontes do Ministério Público têm dito a parlamentares que ela será forte e consistente. Tendo adotado a estratégia de salvar-se espalhando o fogo, Cunha deve criar todo tipo de dificuldade para o governo logo que os trabalhos da Câmara forem reabertos. Será também uma partida decisiva para Dilma, que precisará de aprovar suas contas para evitar o pedido de impeachment convencional, pelo Congresso. Ainda restará o processo no TSE, por contas eleitorais.



Os exemplos mais recentes de presidentes ejetados da cadeira pela pressão dos pares são o de Jader Barbalho, no Senado, e o de Severino Cavalcanti, na Câmara. E ainda se pode colocar na conta o de Antonio Carlos Magalhães, que renunciou logo após deixar o cargo.



ACM, rei da Bahia desde o regime militar, manteve-se poderoso e intocável na era FHC. Presidiu o Senado no biênio 1997-1999 e foi reeleito para o período 1999-2001. Desgastou-se numa querela com Jader Barbalho, que o sucedeu no cargo, e logo depois se envolveu no rumoroso escândalo da violação do painel eletrônico do Senado. Acabara de deixar a presidência mas sua influência virou pó, e quando viu que seria cassado, renunciou para não se tornar inelegível.



Jáder, por sua vez, mesmo depois de assumir a presidência do Senado derrotando o candidato de ACM, continuou sendo alvo de frequentes denúncias de corrupção pela mídia. Embora seu PMDB fosse majoritário no Senado, para contornar a pressão da casa pediu licença do cargo por 60 dias. Mas quando a pressão aumentou, renunciou à presidência em setembro e ao próprio mandato no início de outubro.



Severino Cavalcanti era um deputado do baixo clero quando se elegeu presidente da Câmara em 2005, graças à divisão nas hostes governistas. Em setembro estoura o escândalo do ?mensalinho?, em que o dono de um restaurante concedido pela Câmara o acusa de cobrar-lhe uma propina de R$ 10 mil mensais para manter a concessão. Severino tenta resistir mas diante do desgaste da Câmara não resiste à pressão dos deputados, renuncia ao cargo e depois ao mandato de deputado.



Para ter um destino diferente, Cunha precisará de um apoio inabalável da maioria dos partidos e de deputados, dispostos a enfrentar um grande desgaste para mantê-lo no cargo mesmo na condição de réu ou mesmo que a PGR peça seu afastamento alegando que com seu poder ele poderá obstacularizar as investigações.


Leia também

6 comentários
Comentar
Economia

kkkkkkkkkkkkkkkkk. ESTE BLOGUEIRO É UMA PIADA E TAMBÉM MUITO ENGRAÇADO...

***

O Blogueiro tem toda razão..., este Gilberto Kassab é um ladrão..., a propósito, ele anda é Ministro da Dilma ?

,
RESPOSTA
É sim, caro leitor.
E foi vice do Serra.
Depois São Paulo o elegeu prefeito.
A mesma São Paulo que, por décadas elegeu Maluf.
Uma belezura!
Abs
Moderador

Piter

kkk..., fico feliz em saber que uma simples pergunta minha lhe toca tanto...kkk...

Aproveitando, o senhor disse que só falaria de política aos domingos, vejo pelo su post mais recente que mudou de idéia...?,kkkk...

Piter

Caro Blogueiro, gostaria de saber sua opinião sobre o novo limite de velocidade das marginais...

Abs
.
RESPOSTA
Meu caríssimo amigo, Piter.

O amigo tergiversou e nada falou a respeito dos "três tenores". Esta era a pauta.
Mas é uma tática da oposição.
Sem razão, ela faz ouvidos moucos para aquilo que não quer ouvir.
E já que o amigo nada disse a respeito dessa amizade entre pessoas de caráter ilibado, eu respondo a sua pergunta com outra:
- O que o amigo achou do Controlar, criado durante a administração de Gilberto Kassab? Até hoje não vi nenhuma crítica, mesmo sendo a criação do tal prefeito, um esquema de corrupção.
Felizmente, hoje temos um prefeito decente, honesto, um administrador que me dá orgulho. Foi ele quem desmontou o esquema de corrupção.
Um abraço,
Moderador

Volverine

Eu quero Eduardo Cunha na cadeia e com tornozeleira pra garantir

Zé Kri Kri

Bando de sacripanta.

Carregar mais

Deixe seu comentário Você pode optar por ficar anônimo, usar um apelido ou se identificar. Participe! Seus comentários poderão ser importantes para outros participantes interessados no mesmo tema. Todos os comentários serão bem-vindos, mas reservamo-nos o direito de excluir eventuais mensagens com linguagem inadequada ou ofensiva, caluniosa, bem como conteúdo meramente comercial. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.