fechar
Comentar
Publicado por Emmanuel Ramos de Castro

Barbanti cede e vende Intermédica




 


São Paulo - A operadora de planos de saúde Intermédica, que faturou R$ 979 milhões em 2012, foi vendida neste sábado para o fundo de private equity Bain Capital por quase R$ 2 bilhões. O Bain, que já controla no Brasil a empresa de call center Atento, fica com 100% das ações da empresa e seu fundador, Paulo Barbanti, deve deixar o cotidiano da companhia.


A Intermédica foi assessorada no processo pelos bancos de investimento BTG Pactual e Credit Suisse. Do lado do Bain estavam o Morgan Stanley e o Itaú BBA.



O fundo disputava a compra da operadora com o rival TPG, mas conseguiu apresentar uma oferta melhor na reta final das negociações.



Nos últimos cinco anos, a empresa contratou ao menos cinco bancos de investimento para tentar encontrar um comprador, mas as negociações sempre esbarraram no preço final. Em 2011, Barbanti contratou Glauco Abdala, um dos sócios fundadores da consultoria de gestão Galeazzi Associados, para ser presidente e preparar a Intermédica para uma oferta na bolsa de valores. meses depois desistiu, retomou o controle da companhia e resolveu vendê-la há cinco meses, como participou a coluna Primeiro Lugar, de EXAME. Procurada, a empresa não quis se manifestar.



Fonte: EXAME



 



NOTA DO BLOG

Há muito, este negócio bilionário vinha sendo costurado nos bastidores e a venda da Intermédica era uma questão de tempo. O tempo de convencer Barbanti, considerado um homem difícil para fazer negócio.



Mas os investidores venceram. O poder econômico venceu.



E Paulo Barbante também saiu vencedor, pois, segundo informações, não fazia parte dos seus planos, entregar a sua empresa à concorrência local.



Agora, além da Amil, a Intermédica pertence ao capital estrangeiro e tudo indica que ambas caminham para um processo de  modernização, eficiência e melhor qualidade no atendimento.



Não esperemos estas mudanças para amanhã.



Isto levará um tempo.



E você, corretor, o que achou da venda da Intermédica?



Você acredita este foi um bom negócio para o mercado como um todo?


Leia também

25 comentários
Comentar
carlos heleno

Paulo Barbnti pode ter muito dinheiro mas quem sabe do que ele é capaz de fazer sabe que o que ele tem de dinheiro não tem de carater.

Anonimo

Intermédica sealm
Boa tarde!
Trabalho na intermédica, no setor do limão, onde pude ver coias que não concordo.
Eu e outras pessoas que lá passaram, temos indignação de seu gerente e líderes.
Já vi o farmacêutico (MODERADO) com homofobia, desrespeito com seu funcionários e estagiárias.
A maior indignação que vi, foi o próprio farmacêutico falando coias absurdas de baixo calão com sua Estagiaria, em presença de outro funcionários do sexo masculino.
Já vi rombos de medicamentos, onde o mesmo faz transferência do positivo para o negativo.
Não é somente ele, mas também em outros setores, isso tudo é para que a presidência maior, não fique sabendo.
Na minha e, nas de mais pessoas que lá passaram e ainda estão, eles não tem o "calibre" de desempenhar uma função que exige pessoas gabaritadas!
Muitas coias que lá acontece, os gestores responsável por seu lideres do limão, não imagina as coias que lá acontece!
Muitas pessoas que lá trabalha gostaria muito de dizer tudo que já viu, mas, o medo faz com que eles obtêm.
Gostaria muito de que essa mensagem, chegasse ao conhecimento da gerencia maior, e colocasse maneiras melhores para se trabalhar, pois tenho toda certeza de que, muitos aqui, e outros que se foram, gostaria de falar melhor do trabalho. E das pessoas que, ao meu ver deveriam se dar respeito, deveriam sair, pois a intermédia é maior que eles.
Fica a diga, e reaver os rombos que lá sempre teve!
Não quero vir aqui e ser um judas, mas venho por querer justiça com aqueles que não tem voz! Sem mais Grato!

.
COMENTÁRIO NOSSO
Prezado Anônimo
Suprimimos o nome do funcionário por entender que, uma acusação anônima, não deve nominar o acusado, exceto se a denúncia for feita a um órgão oficial, ou se você tivesse se identificado aqui. Mas entendemos suas razões.
Assim, enviaremos o seu desabafo para a diretoria da Intermédica.
Um abraço,
Obrigado pela sua participação.
Moderador

Sininho

Eu acredito o que no Brasil nós temos empresários arrojados.

Mas daí a acreditar que nosso setor e no Brasil tudo são e serão flores, é demais.

Peguntem por exemplo a Bain Capital, que comprou a Burguer King por custo parecido ao da Intermédica, o que ela achou da operação ?

Sabem o tamanho do prejuízo ? 1,5 bilhão !

Cadê a medicina preventiva ao invés da paliativa não resolutiva ?

Por que não se criam produtos em que os clientes tenham de fazer exames regulares, atividades esportivas, entre outros para que se evitem sinistros e infinitos gastos com tratamentos e medicações ? Ou mesmo produtos que bonifiquem tal conduta no custo final ?

Nada, pra que fazer isso se um bando de corvos pode vender a saúde que deveria ser pública a um conglomerado de gente especializada em roubar seu rico suor e em contrapartida não entregar absolutamente nada ?

Quantos empresários deste ou de outro país conhecemos em nosso ramo de saúde que ficaram milionários e desfilam a bordo de seus iates, aviões, ilhas e eteceteras enquanto uma sessão de quimio é negada a uma criança ?

Vamos deixar a ficha cair gente...

João Vermelho

Alguém lembra da entrevista do Dr. Edson Bueno para a páginas amarelas da Veja?

A Amil tem feito exatamente o contrário de tudo que foi falado lá.

Ano a ano, vejo a interferência do governo atrapalhar o mercado.

Daqui a pouco lançam uma RN obrigando a inclusão de idosos em qualquer plano.

Aí amigos, esse mercado acaba.

Será que essa é a causa?

Sininho

Edson Bueno saiu do individual e vendeu sua empresa por falta de visão.
Barbanti idem.
Golden PF idem.
Sul América, Bradesco, Porto e Marítima também.

E só os grandes grupos de investimento ou americanos é que tem uma visão que brasileiro não tem ?

Faz me rir mais um pouco...kkk

Deixa explicar, o que está vindo por aí nada mais é do que uma enxurrada nacional de planos por adesão ou pme´s , embarcados em custos baixos mas que efetivamente não entregam nada. E se deu prejú, pé no "bumbum" amigo, só pra ser mais educado.

A saúde pública foi privatizada, o dinheiro de grandes operadoras e administradoras, financia e continuará a financiar muitos barões políticos e muita gente ficará milionária por vender algo que não precisará entregar, ainda com aval do Estado.

Ganhará todo mundo, a corretora ( com ou sem sua administradora ) , o corretor, o Sincoplan e tantos outros, menos o cliente final que hoje em dia não tem acesso sequer a um boleto fisicamente falando, uma carteirinha, um orientador e uma rede credenciada digna de sustentar a enxurrada de clientes que irá receber.

Edson Bueno, você é um mestre !

Marcos Jorge
conveniomedicovendas.com.br

Srs.

O que eu vejo é que empresas com porte da Amil , Qualicorp e agora Intermedica são vendidas para grupos de capital estrangeiro.mas não vejo melhorias como:
Planos físicos voltarão a ser comercializados e mais abertura na aceitação dos produtos de adesão.
Incentivo reduzido nos últimos anos junto as corretoras.

Isto porque trabalho em uma corretora que oferece assistência medica entre outros benefícios .

Att

Marcos

.
NOSSO COMENTÁRIO
Acreditamos que vai melhor, sim, Marcos. Inclusive acreditamos também na possibilidade da volta do individual.
Essas empresas adquiridas por grandes grupos internacionais precisam de um período de transição.
Os efeitos, perceberemos a longo prazo.
Um abraço,
Moderador

ej

Mudança positiva...
Sir blogueiro, tenho mais uma quente do mercado:
Uma desconhecida, nanica do mercado do segmentos C e D (na verdade D e E) acaba de ser adquirida por grupo Colombiano e Chileno, dispostos a revolucionar o mercado de adesão para estas classes.

O negócio foi fechado na semana passada e a acanhada estrutura em Santo Amaro chegará ao centro em 30 dias. Meta arrojada, muito capital estrangeiro e disposição gigantesca.

Para que não exponha meus contatos e amigos a dica é que eles pretendem ser o centro deste Universo na Saúde.

Preparem-se, um novo conceito de adesão, desta vez empresarial, com foco em regiões um tanto remotas, mas repletas de empresas viúvas da época do atendimento Samcil e Serma.

Um caminhão de dinheiro.
Aguarde... e não é blefe, encontrará alguns importantes players que saíram do mercado há 03, 04 meses e que estão encabeçando secretamente o projeto.

João Vermelho

Isso tem um nome!

Chama: "Confiança do empresário brasileiro na economia do país"

Inveja do Barbante. Ele vai pegar esse dinheirinho e vai curtir bem longe daqui.

.
COMENTÁRIO
E confiança do mercado estrangeiro na economia brasileira.

Mãe Diná

Anuncio a fusão da Ameplan com a Biovida, sendo a nova holding conhecida como Ameba !

Preparem-se !

pão com ovo

noticia requentada e pela metade.

Investidor

Caros amigos,

A venda do grupo Intermedica para investidores estrangeiros confirma o crescimento do nosso segmento, mostrando uma tendência do mercado, de um lado as operadoras e corretoras bem estruturadas permanecem firmes na sua luta de outro lado as empresas que não se prepararam para o futuro estão fechando as portas!

Este é um processo automático que vem ocorrendo desde a venda da Qualicorp, em seguida grupo Amil e na semana passada a Intermédica, logo teremos novidades com a venda da operadora mais tradicional do mercado, aguardem o final da copa do mundo!

O Grupo Intermedica deve passar por um processo de equilíbrio dos valores apresentados no mercado, não teremos mais custos baixos para atrair novas contas, deve ocorrer o mesmo processo do Grupo Amil, antes da venda para os americanos a linha DIX aplicava nos planos empresariais valores entre R$ 80,00 ou R$ 90,00, hoje ela prática valores acima de R$ 140,00 por vida e continua vendendo!

Com isso não teremos mais leilões, os corretores estarão vendendo qualidade de atendimento agregado ao pacote de serviços da corretora, será um mercado mais justo para que se preparou!

Sucesso para todos!

Investidor

Rose

Será que a senhora Tereza Frei, Luiz Henrique ou a Débora agora vai dar uma entrevista pra o blog? E agora, blogueiro??

Val Marchiori

Helo! Eu pareço um gelo mas sou mesmo de açúcar. Me derreti com a lembrança da leitora do blog que se lembrou de mim. Com relação a Intermédica de acordo com meus amigos "figurões" a Teresa Frei vai poder mostrar o que sabe e a que veio, não esquecendo da dupla Luis Henrique e Débora Oliveira. Helo!

corretor de seguros

Blogueiro, esta adesao tambem se refere ao GRUPO INTERMEDICA no qual se constitui tambem da NOTREDAME ou somente a operadora INTERMEDICA?

.
RESPOSTA
Prezado Corretor de Seguros.
A Notredame e a Interodonto.
Abs
Moderador

Roberto Valverde

Eu so espero que os novos donos estimulem a concorrência e o produto se torne ainda mais competitivo.

Francisco de Assis

Eu acredito que vai ser bom para todos.

Corretor Susepado

Sr. Blogueiro.
Estamos esperando a estréia do programa Segura Brasil que foi prometido. Já tem uma data? Quem vão ser os entrevistados do primeiro programa?

.
RESPOSTA
Prezado Corretor Susepado
Estamos acertando os detalhes finais. Logo divulgaremos o dia e a hora da estreia do Programa Segura Brasil.
Um abraço e obrigado pela sua participação.
Moderdor

Luciana

Fiquei sabendo da compra da Intermédica pelos americanos através de uma amiga. Fui vê se estava no blog a notícia e não estava. Não acreditei na minha amiga,pensei que era boato. Esse mercado adora um boato. Mais hoje de manhã a minha gerente tambem confirmou a notícia. Muito me adimirei o blog não ter noticiado logo. Só hoje vocês noticiaram. Porque???????

.
RESPOSTA
Prezada Luciana.
A venda da Intermédica foi divulgada pelo jornal Valor e pela revista Exame no último sábado e logo se espalhou pela Rede. Tomamos a decisão, então, de publicar somente na segunda, já que não se tratava de um "furo".
Obrigado pela sua participação.
Moderador

Anônimo

CARAMBA, DEMORÔ A FALAR DA VENDA EM BLOG??????

Anônimo

pensei q o blog do corretor num ia falar da venda da intermedica.

Anônimo

Cadê a Conservadora dos Jardins??? e a Val Marchiori?????

Vanda

Eu gosto muito dos comentários de alguns participantes aki, o Chico Bento é um deles, e o q ele disse no comentário acima é a minha opinião também.

Serpa

A Intermédica é uma boa operadora, com a venda para o capital estrangeiro vai ficar melhor ainda.

corretor de saude

Isto tambem inclui a NOTREDAME?

.
RESPOSTA
A Notredame e a Interodonto.
Abs
Moderador

Chico Bento

Boa tarde.

Eu avisei, grandes invetidores estão de olho no mercado brasileiro de planos de saúde e seguros.

Em breve ocorrerão novas movimentações nas carteiras das grandes administradoras e consultorias.

Toda a mudança, quer seja boa ou ruim, carrega em seu bojo novas oportunidades.

Abs.,

Chico Bento

Abs.,

Carregar mais

Deixe seu comentário Você pode optar por ficar anônimo, usar um apelido ou se identificar. Participe! Seus comentários poderão ser importantes para outros participantes interessados no mesmo tema. Todos os comentários serão bem-vindos, mas reservamo-nos o direito de excluir eventuais mensagens com linguagem inadequada ou ofensiva, caluniosa, bem como conteúdo meramente comercial. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.